Ferramentas DAPP

Decisão sobre aborto na Argentina mobiliza 24 mil publicações no Twitter no Brasil

Destacaram-se comentários favoráveis à decisão: entre os dez tuítes mais retuitados, sete celebraram a legalização, e três noticiaram o fato

há 5 meses

Em decorrência do debate e da aprovação pela Câmara dos Deputados da Argentina de lei que descriminaliza o aborto até a 14ª semana de gravidez, foram publicados 24,3 mil tuítes sobre o assunto no Brasil entre as 16h desta quarta-feira (13) e as 16h desta quinta. Destacaram-se por larga margem comentários favoráveis à decisão: entre os dez tuítes mais retuitados, sete celebraram a legalização, e três noticiaram o fato. O mais retuitado nas últimas 24 horas cita uma declaração de um dos deputados argentinos durante a sessão.

O emoji mais utilizado foi um coração verde (?), justamente a cor adotada pelo movimento pró-aborto, presente em 540 tuítes. Em seguida, aparecem o sinal de alta tensão (⚡), em 380 tuítes, usado normalmente em breaking news; e o bíceps (?), em 130 tuítes, um símbolo associado à luta feminista neste caso.

Entre as hashtags mais ativas, estão #abortolegalya, com 3,3 mil publicações; #abortoseraley com 1,6 mil; e #13j e #abortosesionhistorica, ambas com cerca de 580.

Na distribuição regional dos tuítes, em números absolutos lidera o estado de São Paulo (6,5 mil), seguido do Rio de Janeiro (4,3 mil) e Rio Grande do Sul (2,7 mil). Ponderado pelo número de usuários por região, Piauí, Sergipe e Ceará se destacam.

 


Veja mais sobre: ,