FGV DAPP, em parceria com órgãos do governo e sociedade civil, lança Modelo de Referência para Abertura de Dados

Documento faz parte do 4º Plano de Ação Brasileiro firmado no âmbito da Parceria para Governo Aberto (OGP)

há 2 semanas

Foi lançado no dia 1º de outubro, o Modelo de Referência para Abertura de Dados, documento que consolida o trabalho desenvolvido pela Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas (FGV DAPP) em conjunto com órgãos do governo e organizações da sociedade civil. O documento é resultado do trabalho desenvolvido por atores responsáveis pela execução do Compromisso 2 do 4º Plano de Ação do Brasil, firmado no âmbito da Parceria para Governo Aberto (OGP). 

A FGV DAPP integra, desde 2018, o Compromisso 2 – Ecossistema de Dados Abertos – Monitoramento e Execução que tem como objetivo estabelecer, de forma colaborativa, um Modelo de Referência para publicação de Dados Abertos que promova integração, capacitação e sensibilização entre a sociedade e as esferas de governo federal, estadual e municipal a partir do mapeamento das demandas sociais.

“O principal objetivo do Modelo de Referência é orientar gestores e sociedade quanto à importância do uso e da padronização de dados abertos para a promoção da transparência e da agenda de governo aberto no país”, afirma Beatriz Pinheiro, pesquisadora da FGV DAPP.

O Modelo de Referência para Abertura de Dados se configura como o principal marco do compromisso, visto que pretende, com ampla divulgação nas três esferas de governo, incentivar e padronizar a abertura de dados públicos no âmbito dos entes federativos. 

O documento é resultado dos esforços de trabalho da FGV DAPP, da Controladoria-Geral da União (CGU), do Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), da Open Knowledge Brasil (OKBr) e do Instituto de Estudos Socioeconômicos (INESC).