Ferramentas DAPP

Uma revolução em gestão portuária

FGV/DAPP participou de uma verdadeira revolução na gestão pública, ao aplicar modernas metodologias e ferramentas de gestão na Secretaria de Portos (SEP). Essa revolução encurtou prazos e facilitou a realização de investimentos privados nos portos brasileiros. Ao longo do tempo, a análise pelo governo da autorização de novos terminais privados tem demorado cerca de mil […]

há 2 anos

FGV/DAPP participou de uma verdadeira revolução na gestão pública, ao aplicar modernas metodologias e ferramentas de gestão na Secretaria de Portos (SEP). Essa revolução encurtou prazos e facilitou a realização de investimentos privados nos portos brasileiros.

Ao longo do tempo, a análise pelo governo da autorização de novos terminais privados tem demorado cerca de mil dias. Quase três anos. Com a melhor gestão da Secretaria de Portos, esse tempo foi reduzido para 300 dias. E o estudo da FGV/DAPP mostra que esse tempo pode ser reduzido ainda mais, para cerca de 60 dias, com mudança das normas aplicadas e a eliminação de etapas.

A FGV/DAPP desenvolveu e implementou uma metodologia de reuniões, em ciclos, com cinco reuniões cada ciclo, denominada Gestão Estratégica de Projetos e Serviços (GEPS):

imagem 1

Em cada nível, a análise avança em complexidade, enquanto sobe na hierarquia da Secretaria. Essa metodologia permite passar do controle detalhado de cada serviço ou projeto diretamente pelos seus responsáveis à tomada de decisão sobre temas relevantes para a gestão da Secretaria, pelos Secretários e pelo Ministro.

A FGV/DAPP elaborou o iPortos, sistema de gestão de serviços e projetos estratégicos, para apoiar a implantação da metodologia GEPS.

imagem 1

O iPortos permite acompanhar o andamento dos projetos e serviços (Rito), bem como os pontos de atenção, os riscos e os respectivos planos de ação para solucionar pontos de atenção e riscos. Por meio das reuniões do ciclo da GEPS, as informações são sempre atualizadas e estão disponíveis para todos, conforme sua autorização de acesso. O iPortos permite ainda acompanhar a execução orçamentária e comparar diversas situações, como orçado, executado, empenhado e pago.

imagem 1

A próxima versão do iPortos será, também, uma nova revolução na gestão pública: a informação sobre projetos e serviços disponível em seu celular.

imagem 1


Veja mais sobre: